Eduardo di Baia/AP
Eduardo di Baia/AP

Tigre bate o Olimpia e fica a um empate das quartas de final da Libertadores

Time argentino faz 2 a 1 dentro de casa e larga na frente no confronto

Agência Estado

30 de abril de 2013 | 22h21

BUENOS AIRES - O Tigre saiu na frente no duelo contra o Olimpia, do Paraguai, nas oitavas de final da Copa Libertadores. Nesta terça-feira, no estádio José Dellagiovanna, em Buenos Aires, o time argentino ganhou por 2 a 1 e leva a vantagem do empate para a partida de volta, marcada para o próximo dia 16, no estádio Defensores del Chaco, em Assunção. A equipe paraguaia precisa apenas uma vitória simples por 1 a 0 para se classificar. Um novo 2 a 1, desta vez para o Olimpia, levará a decisão para a cobrança de pênaltis.

Em campo, o Tigre mostrou superioridade e conseguiu abrir o placar com Peñalba, aos 28 minutos do primeiro tempo. O centroavante recebeu na área, girou o corpo e chutou rasteiro no canto esquerdo do goleiro Martín Silva. Na segunda etapa, aos 19, Matias Pérez Garcia marcou de cabeça o segundo gol argentino após boa jogada individual de Botta pelo lado esquerdo. O Olimpia conseguiu o importante gol com Miranda, aos 32, em cobrança de falta.

O vencedor do duelo entre Tigre e Olimpia enfrentará, nas quartas de final, o ganhador do confronto entre Emelec, do Equador, e Fluminense. O primeiro jogo deste duelo está marcado para esta quinta, em Guayaquil. O da volta será no próximo dia 8, no Rio de Janeiro, provavelmente no estádio de São Januário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.