Time romeno usará detector de mentira

Autoridades judiciais da Romênia decidiram aplicar o detector de mentiras em jogadores do Ceahlaul, como forma de investigar suposta fraude na derrota da equipe para o Dinamo, de Bucareste, por 2 a 1, domingo, pelo campeonato do país. A atuação de quatro atletas foi considerada ?fora do real?.

Agencia Estado,

12 Março 2002 | 18h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.