Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Times apostam em suas estrelas para avançar no mata-mata do Paulistão

Quartas de final do Campeonato Paulista começam neste sábado, com jogos de Palmeiras e Santos

Redação, O Estado de S.Paulo

23 de março de 2019 | 07h10

As quartas de final do Campeonato Paulista começam neste sábado com confrontos eliminatórios e chance para consagrar os principais jogadores das equipes restantes na competição. É hora de aparecer. A partir de agora, tudo é mata-mata. Como não há vantagem para quem tem melhor campanha nem há saldo de gols qualificado, a vaga para a fase seguinte será decidida nos pênaltis em caso de igualdade após as duas partidas.

A novidade a partir desta etapa é a estreia do árbitro de vídeo. Com custo de R$ 28 mil por partida, valor bancado pela Federação Paulista de Futebol, o recurso vai auxiliar os árbitros em decisões polêmicas em lances de expulsões, gols e possíveis pênaltis. O trabalho será comandado a partir de salas com monitores montados nos estádios a serem utilizados.

Alguns times entregaram listas com alterações na relação dos 26 inscritos, conforme permite a regra. Eram quatro trocas autorizadas por time. O Palmeiras realizou duas, com a inclusão de Juninho e Arthur Cabral nas vagas de Raphael Veiga e Carlos Eduardo. Já o Corinthians preferiu mexer uma vez só. Régis substitui Sérgio Diaz.

O time de melhor campanha, o Red Bull Brasil, tem como grande arma para o mata-mata o atacante Ytalo, que marcou cinco gols neste Estadual. Bom finalizador e centroavante experiente, ele passou por equipes europeias, assim como pelo Athletico-PR e São Paulo. O Santos aposta no artilheiro da competição, Jean Mota, autor de sete gols. O meia teve boas atuações graças à movimentação em campo, velocidade e poder de conclusão.

O Palmeiras, que abre o mata-mata contra o Novorizontino, confia no atacante Dudu, escolhido ano passado como o craque do Campeonato Brasileiro. Foi quem mais jogou até agora. O time do interior tem como principal arma o atacante Cléo Silva, em sua quinta passagem no clube.

A grande sensação do Paulista terá no mata-mata a oportunidade de se destacar ainda mais. Com 17 anos, o atacante Gabriel Martinelli, do Ituano, já fez seis gols no torneio e desperta o interesse de clubes do exterior. O rival dele nas quartas de final será o são-paulino Antony, de 19 anos. O jogador marcou o primeiro gol como profissional na última quarta-feira.

O Corinthians conta com o retorno de Gustavo para se dar bem contra a Ferroviária. O atacante é artilheiro do time no ano, com oito gols, e está de volta após sofrer lesão no joelho esquerdo e ser desfalque nos cinco últimos compromissos. A aposta da equipe de Araraquara é no experiente meia Tony, de 32 anos, líder do elenco e autor de dois gols.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.