Tite aprova atuação do Inter, apesar de placar magro

A dificuldade enfrentada pelo Internacional para furar o bloqueio do Inter de Santa Maria na vitória por 1 a 0, domingo, não preocupou o técnico Tite. Para o treinador, o mais importante foi deixar o Beira-Rio no domingo com 100% de aproveitamento no segundo turno do Campeonato Gaúcho.

AE, Agencia Estado

16 de março de 2009 | 08h01

"Temos que aprender a jogar furando bloqueios, como o do Inter de Santa Maria. Criamos chances e não demos oportunidades ao adversário. Isto é uma marca do Internacional. Já utilizamos 31 atletas em 15 jogos. Isso é fortalecimento de grupo. Isso é importante", avaliou.

A opinião foi compartilhada pelo meia Andrezinho, que ressaltou a dificuldade de se enfrentar um adversário retrancado. "O nosso time soube tocar bem a bola contra um time que ficou com 10 jogadores atrás. É difícil jogar contra uma equipe assim, mas tivemos um bom desempenho",

Mais conteúdo sobre:
futebolInternacionalTite

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.