Daniel Augusto Jr|Divulgação
Daniel Augusto Jr|Divulgação

Tite celebra fim do jejum de vitórias: 'Estava incomodando'

Com 3 a 0 na Ponte, equipe celebra um triunfo após 36 dias

Vítor Marques, O Estado de S. Paulo

26 de maio de 2016 | 14h44

O Corinthians encerrou um jejum de cinco jogos e 36 dias sem vitórias ao bater a Ponte Preta por 3 a 0 no Itaquerão. Após o triunfo, Tite admitiu que o time precisava voltar a conquistar um resultado positivo para aliviar a pressão que já rondava o Parque São Jorge.

"Sim, estava me incomodando. Um grande clube exige desempenho e resultado. O mais importante foi não abrir mão de jogar. Eu estava pressionado, sim, pela necessidade do desempenho e do resultado", disse ele, quando questionado a respeito, durante a entrevista coletiva pós jogo.

Nesse período sem vitórias, o time conviveu com críticas e até vaias. Alguns jogadores passaram a ser cobrados pela torcida, em especial o volante Bruno Henrique, autor de um dos gols contra a Ponte, e o atacante André, que perdeu posição no time.

Tite, que havia pedido apoio do torcedor, também elogiou o comportamento de quem foi a Itaquera. "Quero agradecer o torcedor que entendeu, eu não treino sentimento e manifestação de torcedor. O que eu fiz foi um pedido. Essa é uma equipe com atleta jovens."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.