Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Tite cita pivô Nenê, da NBA, e explica convocação por consistência

Treinador disse que ouviu uma entrevista do brasileiro do Houston Rockets o ajudou na elaboração da lista da Copa

Almir Leite, Fábio Grellet, Marcio Dolzan / RIO, O Estado de S.Paulo

14 Maio 2018 | 14h53

O técnico Tite também buscou inspiração no pivô brasileiro Nenê, atualmente jogando no Houston Rockets na NBA, para definir os 23 jogadores que vão representar a seleção brasileira na Copa do Mundo da Rússia. Ele procurou se basear na consistência, por entender que é um fator importante num momento agudo de competição como a busca pelo hexacampeonato.

+ Com Taison e Geromel, Tite Convoca lista final da Copa do Mundo da Rússia

+ Tite diz que lista dos convocados foi definida meia hora antes do anúncio

+ Raio-X -  Conheça as seleções da Copa da Rússia

+ Confira tabela da Copa do Mundo da Rússia

+ O Estadão mostra os grandes craques que vão disputar a Copa do Mundo

“Eu ouvi uma entrevista do Nenê, ele fez uma observação a respeito dos atletas. Falou de consistência de carreira, consistência do momento e na sequência do trabalho'', disse o treinador. “Talvez esse fator, dentro da seleção e da própria carreira credenciem a este momento máximo, principalmente de Copa do Mundo'', disse o treinador.

Outro fator que contou foi a versatilidade, e a facilidade de adaptação na maneira de a equipe atuar. “Gostamos de triangulações curtas na saída de jogo, na segunda parte do campo, de criação e construção, por vezes mais vertical outras mais tocada, tem de ter facilidade e qualidade'', explicou. “E na terceira parte, no ataque, mais agressiva.''

O treinador também ressaltou que conta com vários jogadores que podem atuar em várias posições e outros que podem exercer várias funções. “Essa versatilidade é sempre importante.''

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.