Daniel Augusto Jr.|Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr.|Ag. Corinthians

Tite confirma Alan Mineiro no Corinthians contra o Audax

Volante fica com a vaga de Giovanni Augusto no meio-campo

Estadão Conteúdo

22 de abril de 2016 | 13h07

Alan Mineiro será titular no Corinthians na partida deste sábado com o Audax, no Itaquerão, pelas semifinais do Campeonato Paulista. Foi o que confirmou o técnico Tite nesta sexta-feira, no último treinamento da equipe antes do confronto decisivo. A chance dada a Alan Mineiro se dá pela ausência do meia Giovanni Augusto, que se contundiu no último fim de semana, no duelo com o Red Bull Brasil pelas quartas de final do Paulistão, e deverá ficar afastado dos gramados por aproximadamente um mês.

Tite também poderia optar por Rodriguinho ou Romero, que tiveram ótima atuação na goleada por 6 a 0 sobre o Cobresal, na última quarta-feira, pela Copa Libertadores, mas acabou escolhendo Alan Mineiro. Na atividade desta sexta, Tite treinou o time titular, que vai encarar o Audax, com a seguinte formação: Cássio; Fágner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique; Alan Mineiro, Elias, Guilherme e Lucca; André.

Tite explicou que optou por Alan Mineiro para alterar pouco a formação tática do Corinthians. "Posição e função. Alan é jogador de armação e meio-campista. Romero é atacante. Com um, é 4-3-3 e a função fica diferente, fica com um jogador a menos na equipe. É armador para armador. Marlone também fez essa função no último jogo. É um modelo da equipe. Romero disputa mais vaga com Lucca", disse o treinador, que apostou em um grande duelo e fez elogios a Fernando Diniz, treinador do Audax.

"Vai ser um grande jogo, com duas equipes que pensam futebol parecido. Com triangulação, posse de bola, alternam marcação. Vai ser um grande espetáculo. Tenho dimensão exata e respeito o Audax e o Fernando. Vai ser um grande jogo", disse.

Apesar do bom início de temporada do time, dono da melhor campanha do Paulistão e classificado com folga às oitavas de final da Libertadores, Tite avaliou que o Corinthians ainda não está pronto. "O Corinthians não pegou nenhuma decisão ainda, não é maduro, é um grupo novo. Maturidade não se pega individualmente. É o conjunto que forma uma equipe experiente", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.