Saeed Khan / AFP
Saeed Khan / AFP

Tite confirma seleção com oito mudanças para amistoso com a Austrália

Treinador aproveitará jogo para testar atletas como Diego Alves e Alex Sandro

Estadão Conteúdo

12 de junho de 2017 | 11h34

A seleção brasileira está definida para o seu segundo amistoso em Melbourne, nesta terça-feira, às 7h05 (horário de Brasília), diante da Austrália. Nesta segunda, a equipe encerrou a preparação para o compromisso com um treinamento no Lakeside Stadium em que o técnico Tite confirmou uma escalação com oito alterações em relação ao duelo com a Argentina, na última sexta-feira, quando a equipe perdeu por 1 a 0.

Tite comandou um trabalho tático em campo reduzido. E escalou o time titular com a seguinte formação: Diego Alves; Rafinha, Thiago Silva, Rodrigo Caio e Alex Sandro; David Luiz, Paulinho e Philippe Coutinho; Giuliano, Diego Souza e Douglas Costa.

Só uma das alterações foi realizada por necessidade: a entrada de Diego Souza na vaga de Gabriel Jesus, que sofreu uma fratura na órbita esquerda, estrutura que protege o olho, após ser atingido pelo cotovelo de Otamendí no amistoso da última sexta.

As mudanças por opção começaram no gol, onde Diego Alves trabalhou no lugar de Weverton. Nas laterais, Rafinha e Alex Sandro substituírão Fagner e Filipe Luís, respectivamente. Rodrigo Caio treinou ao lado de Thiago Silva na zaga, enquanto David Luiz foi escalado como volante, no lugar de Fernandinho, na maior surpresa da seleção para o duelo com a Austrália. Além disso, Douglas Costa e Giuliano treinaram no setor ofensivo, nas vagas de Renato Augusto e Willian.

Assim, somente três jogadores que foram titulares contra a Argentina serão mantidos na formação titular do Brasil por Tite para o amistoso contra a Argentina: o zagueiro Thiago Silva, o volante Paulinho e o meia Philippe Coutinho.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolTiteCBF

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.