Marcos de Paula/AE
Marcos de Paula/AE

Tite culpa desfalques no Corinthians e qualidade do Fluminense por empate

Com o resultado obtido na noite desta quarta, no Engenhão, clube dá seu terceiro tropeço seguido

AE, Agência Estado

30 de agosto de 2012 | 10h18

RIO - O técnico Tite preferiu elogiar a qualidade do Fluminense, que ocupa a segunda colocação no Campeonato Brasileiro, para justificar o terceiro tropeço seguido do Corinthians na competição, além de lamentar os vários desfalques do setor ofensivo na partida de quarta-feira. No Engenhão, a equipe chegou a abrir o placar, mas cedeu o empate no segundo tempo e ficou no 1 a 1 com o time das Laranjeiras, no duelo válido pela 20ª rodada.

"Nossa proposta era de um jogo equilibrado, ter o ataque, agredir a marcação do rival tal qual foi em outros jogos. Se não teve, foi em função do bom momento e da qualidade do Fluminense, que está com uma grande campanha", disse Tite, que também avaliou que o Corinthians teve desempenho melhor do que nos clássicos contra Santos e São Paulo. "Criamos mais hoje do que nos dois clássicos, mas futebol não é vôlei, que você vai pontuando. Uma bola define o jogo", comentou

Tite avaliou que o Corinthians não precisaria ter recuado tanto no segundo tempo, quando estava em vantagem no placar, se tivesse mais opções para o setor ofensivo no banco de reservas. Na quarta-feira, o treinador não tinha à disposição os atacantes Guerrero, Martínez e Jorge Henrique.

 

"O Fluminense buscou a vitória no segundo tempo. Ou eles empatavam ou tomavam jogadas de contra-ataque, iam se expor. E para nós talvez tenha faltado um jogador de frente para ter uma retenção, como o Guerrero. Isso nos retirou algumas chances. Tentei reter ao máximo o Emerson, ele pediu várias vezes para sair, o Douglas da mesma forma, que estavam cansados. Sem esse pivô, que poderia ser o Paolo, o time ficou sem essa saída mais rápida", afirmou.

O empate com o Fluminense deixou o Corinthians com 25 pontos no Campeonato Brasileiro, na 12ª colocação. A equipe volta a entrar em campo no próximo domingo, quando receberá o líder Atlético Mineiro no Estádio do Pacaembu.

 

FICHA TÉCNICA

 

FLUMINENSE - Diego Cavalieri; Bruno, Gum (Rafael Sóbis), Leandro Euzébio e Carlinhos; Edinho, Jean, Wagner (Michael) e Thiago Neves; Wellington Nem e Fred. Técnico: Abel Braga

 

CORINTHIANS - Cássio; Alessandro, Chicão, Wallace e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Douglas (Guilherme) e Danilo; Romarinho (Giovanni) e Emerson Sheik (Edenilson). Técnico: Tite

 

GOLS - Emerson, aos 36 minutos do primeiro tempo. Fred, aos 37 minutos do segundo tempo.

 

CARTÕES AMARELOS - Fred, Thiago Neves, Gum, Fábio Santos, Ralf.

 

ÁRBITRO - Sandro Meira Ricci (PE)

 

LOCAL - Engenhão, no Rio de Janeiro

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoCorinthiansTite

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.