Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Tite encara jogos fora de casa como teste

O São Caetano iniciou o segundo turno do Campeonato Brasileiro a todo vapor, com três vitórias em três jogos. A campanha 100% não é tão fácil assim, tanto que só pode ser comparada ao rendimento do Internacional. O inteligente técnico Tite faz questão de não puxar para si o sucesso atual do time, mas quer aproveitar ao máximo o momento positivo do clube. ?Nós temos que manter a personalidade e coragem para assumir esta boa fase. Este fator deve ser transformado em motivação para os próximos jogos, que serão difíceis", comentou o treinador, elogiando também o trabalho dos seus antecessores, Mário Sérgio e Nelsinho Baptista. Ele acha também que a invencibilidade de seis jogos reforça a confiança do grupo, mas sempre faz questão de não ficar sozinho com os méritos da sua campanha, que em quatro jogos venceu três e empatou um. ?O mais importante é o São Caetano. A minha invencibilidade é bem secundária." Mas na prática os resultados alavancaram o clube da 12ª para a sexta posição, com 41 pontos. A defesa continua sendo a melhor, com apenas 21 gols sofridos em 26 jogos. E o ataque melhorou bastante, tendo marcado seis gols nos últimos três jogos: Criciúma (1 X 0), Cruzeiro (2 a 0) e Fortaleza (3 a 0). O atacante Marcinho, que no começo da temporada foi relegado pelo Corinthians, vive agora sua melhor fase na carreira. Ele é o artilheiro do time, com nove gols. ?Estou mesmo em plena forma, mas não jogo sozinho. O time tem ajudado bastante." Esta nova realidade coloca o time em totais condições de atingir seu objetivo na competição: ficar entre os três primeiros colocados para garantir uma vaga na Copa Libertadores de 2004. O São Caetano terá uma maratona de três jogos seguidos fora de casa: Flamengo e Grêmio pelo Brasileiro e, depois, Cruzeiro pela Copa Sul-Americana. Mesmo prevendo dificuldades, o técnico Tite demonstra confiança. ?Estes jogos serão um teste para nossa maturidade. Se estamos querendo chegar mais longe, precisamos encarar estas dificuldades." Para o jogo contra o Flamengo, quarta-feira, no Rio de Janeiro, o único desfalque será o zagueiro Serginho, que recebeu o terceiro cartão amarelo. Em seu lugar entra Thiago.

Agencia Estado,

18 de agosto de 2003 | 18h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.