JF Diório/Estadão
JF Diório/Estadão

Tite encerrará rodízio do Corinthians na 'decisão' contra a Ponte

Técnico deixará de revezar equipe e escalará apenas os titulares

GONÇALO JUNIOR, O Estado de S. Paulo

09 de abril de 2015 | 14h04

Depois de encerrar a primeira fase do Campeonato Paulista sem derrotas e acumulando uma sequência de 23 jogos sem perder entre amistosos, estadual e Taça Libertadores, o técnico Tite, do Corinthians, deve encerrar o rodízio entre titulares e reservas. A partir da partida contra a Ponte Preta, neste sábado, na Arena Corinthians, pelas quartas de final do Campeonato Paulista, o treinador corintiano deve escalar apenas a equipe titular. Na próxima quarta-feira, o time recebe o San Lorenzo, pela Copa Libertadores.

"Foram 36 dias em que o grupo de trabalho teve um ou dois dias de folga, um de Carnaval... Tentamos fazer mágica. Não poupamos ninguém, só não trouxemos titulares para jogar contra o XV porque não havia condições. O descanso era necessário. Mas estão todos de parabéns", disse o técnico, referindo-se ao empate por 2 a 2 em Piracicaba, onde a equipe atuou com os reservas.

Mesmo alternando titulares e reservas, o Corinthians conseguiu manter um padrão de jogo e se classificou com folga no Paulistão - além disso, está praticamente assegurado na segunda fase da Libertadores. Nas próximas semanas, a equipe inicia uma série de jogos decisivos. Caso chegue à final do Paulistão e avance na Libertadores, só teria uma semana sem "decisões" em meados de maio, com o início do Campeonato Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.