Tite enfrenta o Grêmio no sábado

O encanto do técnico Tite com o São Caetano acabou após a derrota para o Flamengo, por 1 a 0, no Maracanã, quarta-feira. Mais do que perder a invencibilidade de seis jogos e os 100% de aproveitamento no returno, o técnico lamentou a falta dos três pontos que, segundo ele, ?seriam importantes na briga para chegar entre os três primeiros colocados" do Campeonato Brasileiro. Apesar da derrota, o São Caetano se manteve na sexta posição, com 41 pontos. E só admite a reabilitação no próximo jogo, de novo fora de casa, contra o Grêmio, sábado à tarde, no Estádio Olímpico. O lanterna do Brasileiro é, justamente, o clube que projetou a imagem de Tite para o cenário nacional. ?Tenho o maior respeito e admiração pelo Grêmio, mas agora estou do outro lado e visto a camisa do São Caetano", comentou. O elenco já voltou ao trabalho nesta quinta-feira à tarde. A delegação chegou do Rio de Janeiro no horário do almoço e à tarde os jogadores já treinaram. Os titulares se exercitaram na piscina, enquanto os reservas realizaram um coletivo contra o time de juniores. Nesta sexta-feira pela manhã haverá um rápido técnico-tático porque à tarde a delegação segue para a capital gaúcha. A única baixa será o zagueiro Dininho, que recebeu o terceiro cartão amarelo. Em seu lugar entrará Serginho, que volta de suspensão automática. Em princípio, o time não sofrerá outra mudança.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.