Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Tite exalta desempenho individual dos atletas do Corinthians após vitória

Técnico reconhece que time esteve longe de fazer um grande jogo

Raphael Ramos, O Estado de S. Paulo

12 Março 2015 | 07h23

Tite reconheceu que o Corinthians esteve longe de fazer uma grande partida na vitória por 1 a 0 sobre o São Bernardo, nesta quarta-feira, no Itaquerão, pela 9ª rodada do Campeonato Paulista. O time jogou com apenas três titulares (Cássio, Felipe e Danilo) e teve dificuldades para se impor diante de um adversário que luta contra o rebaixamento no Estadual. O treinador preferiu valorizar o desempenho individual de alguns atletas que ganharam uma chance de jogar desde o início.

"Se a equipe não teve o brilhantismo que ela procurou, ao mesmo tempo você tem o Yago, que jogou como lateral-esquerdo com desenvoltura muito boa. Edu Dracena e Felipe estiveram juntos pela primeira vez e jogaram com naturalidade. Edílson e Cristian estão crescendo e Vagner Love está retomando um processo", disse o treinador.

O Corinthians completou ontem cinco jogos sem sofrer gols. Para Tite, o bom desempenho defensivo se deve ao equilíbrio entre os setores da equipe. "Não adianta marcar se não agredir. Fizemos 1 a 0, mas seguramente tivemos mais de 12 finalizações. O adversário teve poucas chances. Nós criamos e agredimos bastante", disse Tite.

Contra o São Bernardo, os jogadores não precisaram passar a noite anterior à partida concentrados no CT do Parque Ecológico. Após o treino de terça-feira, os atletas foram liberados e se reapresentaram no CT às 11 horas de quarta. A rotina deve se repetir em outras rodadas do Campeonato Paulista.

"Comissão técnica trabalha de segunda a segunda. Os atletas também têm essa sequência. Emocionalmente isso desgasta, o jogador não consegue passar tempo com o filho, a esposa. Imagino Elias comemorando a convocação para a seleção com a família, Cássio comemorando a grande atuação com a família. Tenho o bom senso de dosar e de dar a eles a responsabilidade de saberem o clube em que estão."

O Corinthians volta a jogar sábado, no Itaquerão, quando recebe o Red Bull Brasil, pelo Campeonato Paulista. O time lidera o Grupo 2 com 22 pontos, sete a mais do que a Ponte Preta, segunda colocada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.