Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Tite faz testes na lateral esquerda em treino do Corinthians

Sem Uendel, técnico reveza Guilherme Arana e Marciel no setor

Estadão Conteúdo

12 de outubro de 2015 | 17h29

O técnico Tite fez testes na lateral esquerda do líder Corinthians no treino desta segunda-feira, na reapresentação do time após folga no domingo. Sem o titular Uendel, Tite treinou com Guilherme Arana e até o improvisado Marciel na posição em preparação para o jogo contra o Goiás, quinta-feira, no Itaquerão.

Uendel fez somente trabalho de reforço muscular na academia nesta segunda. Ele ainda se recupera de lesão muscular, assim como Guilherme Arana. Por isso Tite resolveu testar Marciel, por precaução, para o caso de não poder contar com Uendel e Arana na quinta. Na lateral direita, Fagner seguiu afastado, lesionado. E Edilson treinou na posição.

Na zaga, Tite manteve Yago e escalou Edu Dracena na vaga de Felipe, que cumprirá suspensão nesta rodada. Assim, o treinador pouco alterou o time que jogou no fim de semana passado. A equipe foi escalada com Cássio; Edilson, Edu Dracena, Yago e Guilherme Arana (Marciel); Ralf; Jadson (Lucca), Rodriguinho, Danilo e Malcom; Vagner Love.

Ao fim do treino, Dracena concedeu entrevista coletiva, na qual defendeu as mudanças na defesa corintiana. "O mais importante é o grupo, independentemente de quem jogue. Os jogadores que estão aqui treinando sabem o que têm de fazer quando entrar. O grupo ganha campeonato, time ganha jogo. O grupo está mostrando que é forte e pode ganhar o Brasileiro", declarou.

Apesar das dificuldades do Goiás no campeonato - ocupa a zona de rebaixamento -, o zagueiro acredita que o Corinthians não terá um jogo fácil na quinta. "Responsabilidade no Corinthians é muito grande, todo mundo quer vencer o líder, o Goiás vai dificultar bastante", afirmou Dracena. "Primeiro, a gente se prepara para vencer os jogos. Se vencermos todos que nos restam, seremos campeões sem depender de ninguém."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthianstreinoTite

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.