Tite mantém dúvida para escalar ataque do Corinthians

O técnico Tite vai esperar até sábado para definir a composição do ataque do Corinthians no jogo de domingo, contra o Vasco, no Rio, em confronto entre líder e vice do Brasileirão. Emerson, suspenso, é desfalque certo. Willian e Liedson, que reclamam de dores, podem até ficar à disposição, mas não terão condições de atuar durante os 90 minutos.

VITOR MARQUES, Agência Estado

30 de setembro de 2011 | 19h17

"Não posso entrar com dois jogadores com substituição certa", comentou Tite, indicando que não escalará Willian e Liedson juntos desde o começo. O ex-atacante do Figueirense sente dores no tornozelo direito e nem treinou nesta sexta-feira. Exames, porém, não apontaram nenhuma lesão ou inflamação em seu tendão de Aquiles. Já Liedson, que só fez o seu primeiro treino da semana na quinta-feira e deixou a atividade logo no início, esteve normalmente no rachão desta tarde.

As dores constantes no joelho esquerdo de Liedson preocupam Tite. "Temos de dosar a carga. Quem trabalha com ele no dia a dia sabe o quanto ele é dedicado. De domingo a domingo há um tempo melhor para dosar essa carga com o Liedson e a tendência é que possa ter melhoria", comentou o treinador, que aposta na semana toda sem jogos para que o atacante possa pegar o Vasco.

Apesar dos problemas no ataque, Tite se recusa a arriscar colocar em campo atletas que estão longe da melhor forma física. Tanto que Adriano ainda não fará sua estreia. "Vencer jogo não pode ser a custa da saúde de ninguém. (Adriano) retorna depois de um longo período e o Liedson vem de uma sequência. Se o Adriano estivesse num ritmo normal, mas ele está readquirindo sua melhor forma", lembrou o treinador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.