Alex Silva| Estadão
Alex Silva| Estadão

Tite nega abalo com derrota e enfatiza: 'Podemos fazer melhor'

Equipe se prepara para o próximo confronto pela Libertadores

Vítor Marques, Estadão Conteúdo

04 de abril de 2016 | 08h33

Às vésperas de um jogo decisivo pela Libertadores, a derrota por 1 a 0 no clássico contra o Palmeiras, domingo, no Pacaembu, não abalou o Corinthians, garantiu o técnico Tite. Segundo ele, sua equipe tem capacidade de absorver o resultado sofrido no Paulistão e já pensar no confronto contra o Santa Fe, quarta-feira, na Colômbia, pela Copa Libertadores.

"Se nossa equipe não tiver maturidade de saber absorver, tem de aprender. Só assim vai tirar lições dessa forma. Você não pode se esquivar da derrota e dos erros que cometeu. O primeiro passo é admitir que podemos fazer melhor. E nós podemos fazer melhor", afirmou o treinador.

O Corinthians já está classificado como primeiro colocado geral no Campeonato Paulista. E na última rodada contra o Novorizontino, domingo, seguramente Tite escalará reservas. Isso porque o foco agora é o jogo de quarta-feira pela Libertadores.

Se vencer o Santa Fe, em Bogotá, o Corinthians, que é líder do Grupo 8, com nove pontos, confirmará a vaga as oitavas de final da competição. O time treina no CT nesta segunda-feira pela manhã e depois já embarca para a Colômbia.

A missão de Tite é, em pouco tempo, "recuperar" dois jogadores que tiveram uma atuação apagada no clássico: o meia Guilherme e o atacante André, que vive uma "seca" de gols.

Sobre André, o treinador disse que não preocupa a má fase do atacante. "Temos que compreender que para que isso aconteça ele tem que jogar e jogar. Claro que eu prefiro que o amadurecimento venha com vitórias e não com derrotas", disse o comandante.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.