Ricardo Taves/Ag. Corinthians
Ricardo Taves/Ag. Corinthians

Tite promete pressão do Corinthians em cima do Inter no Beira-Rio

Líder não vai apostar apenas nos contra-ataques

Raphael Ramos, O Estado de S.Paulo

16 de setembro de 2015 | 07h00

O Corinthians promete uma postura bastante ofensiva contra o Internacional nesta quarta-feira, mesmo atuando no Beira-Rio. Dono do melhor ataque do Campeonato Brasileiro, o líder tenta ampliar a sua invencibilidade, que já dura 17 jogos, com mais uma vitória.

Por isso, o técnico Tite avisa que o time não vai esperar o Inter para buscar o contra-ataque. A estratégia será pressionar a saída e retomar a bola já no campo do adversário. A ideia do treinador é que o time repita o rendimento que costuma ter no Itaquerão, ou pelo menos se aproxime do desempenho que ostenta como mandante.

“É um grande desafio manter padrão dentro e fora de casa. Sei que nunca vai ser igual, mas no processo de maturidade da equipe esse é o nosso objetivo”, disse o treinador.

O Corinthians vive o seu melhor momento na temporada. Nos últimos 17 jogos o time teve 12 vitórias e cinco empates, recorde do clube no Brasileiro. A última derrota foi na oitava rodada, contra o Santos.

Se não for derrotado no Beira-Rio, o Corinthians iguala as marcas obtidas por Atlético-PR, em 2004, e São Paulo, em 2006. Os dois clubes são donos das maiores séries invictas do Brasileiro desde o início dos pontos corridos, em 2003.

Muito da boa fase da equipe se deve ao desempenho como visitante, que Tite espera manter em Porto Alegre. “Fizemos gol nos últimos seis jogos fora de casa e queremos aumentar esse número”, disse o treinador.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL

Alisson; William, Réver, Paulão e Ernando; Dourado, Nilton, Wellington e Alex; Valdívia e Vitinho Técnico: Argel Fukcs

CORINTHIANS

Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Elias, Renato Augusto e Jadson; Malcom e Vagner Love Técnico: Tite

Juiz: Jailson Macedo Freitas (BA) 

Local: Beira-Rio. Horário: 22h 

Transmissão: Globo e Band

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.