Epitácio Pessoa/Estadão
Epitácio Pessoa/Estadão

Tite reúne elenco para cobrar reação e dignidade do Corinthians

Ninguém no clube pensa mais no título do Brasileirão, embora os jogadores sabem que serão cobrados por vaga na Libertadores

Vitor Marques, Agência Estado

13 de setembro de 2013 | 17h25

SÃO PAULO - Tite reuniu o elenco do Corinthians por cerca 20 minutos antes do início do treino desta sexta-feira no Parque Ecológico. A imprensa pôde acompanhar, de longe, a conversa do treinador com jogadores, em tom bastante sério. A diretoria de futebol do clube também participou do encontro. O Corinthians vive momento delicado no Campeonato Brasileiro. Já são três jogos sem vitória, que deixaram o time em sexto lugar na tabela, com 30 pontos e a 13 do líder Cruzeiro.

Durante boa parte da reunião, apenas Tite falou. Ele posicionou os jogadores num banco e ficou andando para lá e para cá, pedindo concentração, força, diginidade. Participaram do bate-papo até mesmo os atletas machucados, como o meia Renato Augusto e o volante Guilherme. Após a derrota para o Botafogo por 1 a 0, na última quarta-feira, a diretoria corintiana cobrou publicamente o elenco e disse que conquistar uma das vagas para a Libertadores de 2014 é obrigação do Corinthians neste segundo semestre - ninguém no clube acredita mais em conquistar o título do Brasileirão.

O volante Ralf chegou atrasado ao treino, mas conseguiu participar de boa parte da reunião. O Corinthians aceitou as desculpas do jogador, mas a tendência é que ele tenha de pagar algum tipo de multa pelo atraso. Após essa conversa franca, em que o treinador pediu mais empenho e reação imediata na competição, Tite já começou a pensar na partida com o Goiás. O lateral-esquerdo Fábio Santos, que era dúvida (se recupera de pubalgia), treinou com bola e deve voltar à equipe neste domingo, no Pacaembu, pelo Brasileirão. Só não treinaram no campo nesta sexta-feira alguns dos jogadores que apresentaram nível de desgaste acima do normal, casos de Paulo André, Gil, Danilo, Alessandro e Emerson.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansbrasileirãotite

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.