Tite: se a equipe for mal, assumo a culpa

Para proteger o time de um eventual novo vexame domingo no Morumbi, o técnico Tite fez questão de assumir toda a responsabilidade sobre o que acontecer diante do favorito São Paulo. "Não sou hipócrita e dizer que o Cuca e o São Paulo têm obrigação de ganhar o clássico. De jeito nenhum. Sou o técnico do Corinthians e o time refletirá no campo o meu trabalho. Tomo a frente do meu grupo. Se a equipe tiver um mal resultado, a culpa será minha." Tite quer na verdade tranqüilizar o traumatizado grupo. A goleada por 5 a 0 que o time sofreu diante do Atlético Paranaense ainda é comentada com receio entre os atletas. "Não é fácil perder de 5 a 0. Se fosse mais novo, entraria em campo com muita raiva de tudo. Só que preciso ser profissional. Só com calma o Corinthians vai deixar sair dessa situação ruim", afirma Fábio Costa. Rogério confessou que viveu a sua pior semana desde que está no Corinthians. As afirmações de que seria afastado por ser "paneleiro" se Mário Sérgio fosse contratado foi a gota d?água. "Foram horríveis esses dias. Mas a história de que vou embora é tão mentirosa que voltei a ser capitão do time contra o São Paulo." O antigo capitão era Rincón que está contundido e não irá jogar domingo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.