Titular, Gegê diz que não precisa 'provar nada' no Botafogo

Sem atuar em partidas por competições oficiais pelo Botafogo desde julho, o meia Gegê foi uma das surpresas da pré-temporada do time carioca ao ser testado como titular pelo técnico Ricardo Gomes. Alvo constante de críticas de torcedores em anos anteriores, o jogador garante que as críticas não incomodam, mas destaca que não precisa "provar nada a ninguém".

Estadão Conteúdo

27 Janeiro 2016 | 15h48

"Isso é natural no futebol. Acontece. A pressão faz parte do processo de amadurecimento do jogador. Estou passando por isso e vou em frente. Não vou pedir calma pra mim. Eles (torcedores) podem agir da forma que quiserem e eu vou sempre manter o foco", afirmou.

No ano passado, Gegê foi pouco aproveitado por Ricardo Gomes. Ainda assim, o treinador pediu para que o meia, de 22 anos, tivesse seu contrato renovado até o final do Campeonato Carioca. Agora, ele deve começar a competição como titular e agradece a confiança do comandante.

"Em novembro do ano passado tive uma conversa com o Ricardo Gomes e ele falou que gostaria de contar comigo. Acho que não tenho que provar nada para ninguém, apenas fazer o meu trabalho. Tenho que buscar jogar. O treinador acredita em mim e tenho que trabalhar para justificar a confiança dele", disse.

Com Gegê entre os titulares, o Botafogo vai estrear no Campeonato Carioca no próximo sábado, quando vai encarar o Bangu, em São Januário.

Mais conteúdo sobre:
Ricardo GomesSão Januário

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.