Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Titular contra o Fluminense, Pato ganha apoio do elenco

Lateral Fábio Santos sai em defesa do atacante: 'Ele só tem 23 anos. É óbvio que sente a cobrança'

VÍTOR MARQUES, Agência Estado

14 de agosto de 2013 | 10h33

SÃO PAULO - Alexandre Pato mais uma vez será titular do Corinthians. Nesta quarta-feira, ele está escalado para enfrentar o Fluminense, no Maracanã, às 21h50, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. E o atacante ganhou não só o apoio do técnico Tite como de todo o elenco para, enfim, se firmar como um dos principais jogadores da equipe.

O lateral-esquerdo Fábio Santos saiu em defesa do jogador que chegou ao clube no início do ano cercado de expectativa, muito pelo valor da sua contratação, R$ 40 milhões. "O Pato é muito novo. Parece que tem 30, mas tem só 23 anos. É óbvio que o cara sente, acho que ele nunca tinha sido vaiado ou cobrado na vida, e aqui a cobrança é grande", disse Fábio Santos. "É importante que a gente dê essa tranquilidade para ele, porque a gente sabe que qualidade ele tem."

Pato será titular porque Guerrero desfalca o time novamente - o peruano está com sua seleção e disputa amistoso nesta quarta-feira contra a Coreia do Sul.

Fábio Santos não tem dúvida de que Pato vai, em breve, ser reconhecido pela torcida. "O estilo de jogo dele é diferente do que o torcedor do Corinthians gosta, que é de competir, mas ele aos poucos está buscando isso. Com paciência, ele vai se tornar ídolo da torcida."

O lateral-direito Edenílson também vê que a cobrança em cima de Pato é maior do que em outros jogadores. "Ele saiu do Brasil jovem e voltou como astro. Por isso, a cobrança será sempre maior, mas os objetivos no Corinthians são sempre como equipe e não individuais."

Pato agradeceu o apoio que recebeu dos jogadores depois que marcou, de pênalti, o segundo gol na vitória do último domingo, contra o Vitória, no Pacaembu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.