Vinnicius Silva/Cruzeiro
Vinnicius Silva/Cruzeiro

Titular de time misto na Bahia, goleiro Rafael vê Cruzeiro focado no Brasileirão

Com 24 pontos, o Cruzeiro está na oitava colocação na tabela de classificação

Estadão Conteúdo

04 Agosto 2018 | 12h44

O Cruzeiro terá um time misto contra o Vitória, neste domingo, às 16 horas, no estádio Barradão, em Salvador, pela 17.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Confirmado pelo técnico Mano Menezes para o lugar de Fábio, o goleiro Rafael ressaltou neste sábado que o objetivo do atual campeão mineiro é o de conquistar também o título do Brasileirão, uma das três competições que ainda disputa na temporada, além da Copa Libertadores e da Copa do Brasil.

Mano diz que manterá rodízio no Cruzeiro e poupará alguns titulares

Mano exalta eficiência e peso de vitória do Cruzeiro: 'Vantagem significativa'

"Muitos acham que, por entrar algumas vezes com um time considerado misto no Brasileiro, que o Cruzeiro tem dado prioridade para a Copa do Brasil e a Libertadores. O que na verdade é um erro porque o Cruzeiro, a diretoria, a comissão montaram o elenco e, desde o início, a nossa conversa aqui é de que nós vamos entrar em todos os campeonatos para ganhar, para disputar títulos e no Brasileiro não é diferente", disse Rafael.

 

Com 24 pontos, o Cruzeiro está na oitava colocação na tabela de classificação, distante neste momento do líder Flamengo. "Nós queremos ganhar todos os campeonatos que estamos disputando. O Cruzeiro está hoje brigando por três títulos - o Brasileiro, a Copa do Brasil e a Libertadores - e não vamos abrir mão de nenhum deles, podem ter certeza disso", completou.

O reserva do gol do Cruzeiro tem ótimas lembranças do estádio Barradão e espera mais uma vez conquistar os três pontos em Salvador para recolocar o Cruzeiro entre os primeiros colocados do Brasileirão.

"(Em 2016, na vitória por 1 a 0, pelo Brasileirão) Ariel Cabral fez o gol de cabeça e depois ainda teve um pênalti contra em que pude fazer a defesa e saímos com um resultado positivo. Tenho muitas boas lembranças do Barradão. Em 2013 fomos campeões lá, é um estádio muito bacana e me traz coisas boas. Espero pode viver mais 90 minutos felizes lá. Nós queremos voltar ao G4 do Brasileiro e temos que buscar esses pontos fora de casa", afirmou Rafael, neste sábado, na Toca da Raposa II, em Belo Horizonte.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.