Titular, Nen agora sonha em fazer gol

É quase lei: todo menino que sonha em ser jogador de futebol, sempre imagina o momento de marcar um gol por uma equipe importante, e com o estádio lotado. E, pelo menos no caso de Nen, do Palmeiras, não é pelo fato de o garoto ter virado zagueiro que o sonho foi esquecido. Titular absoluto no time de Jair Picerni, o jogador confessa que está feliz pela vaga conquistada em curto prazo, mas que ainda falta realizar um grande sonho de criança. ?Sinto falta do meu primeiro gol pelo Palmeiras?, confidenciou o zagueiro, que diz estar com saudades da emoção de marcar. ?No ano passado, fiz 12 gols entre Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro?, contou Nen, lembrando o bom desempenho que costumava ter nas bolas aéreas na área adversária. Antes, no entanto, Nen sabe que tem uma missão mais importante a cumprir: ajudar a melhorar o desempenho da defesa, para que o time finalmente aprenda a ?administrar o 1 a 0? ? o que pode ser útil ao Palmeiras no futuro ?, apesar da vocação ofensiva da equipe. ?A gente anda tomando uns gols bobos. E é preciso cuidado, porque não vai ser sempre que a estratégia de marcar mais gols do que sofrer vai funcionar?, admite Nen. Segundo ele, que reconhece que pode melhorar seu desempenho pessoal, não há receita mirabolante para solucionar o problema. ?A gente precisa ter um pouco mais de atenção e não se acomodar.? No treino desta quarta-feira, a única ausência foi o goleiro Marcos, ainda em tratamento da contusão no polegar da mão esquerda. O técnico Jair Picerni espera contar com o jogador domingo, contra Mogi Mirim.

Agencia Estado,

10 de março de 2004 | 20h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.