Real Madrid/Twitter
Real Madrid/Twitter

Titulares pelo Real Madrid, Rodrygo e Vinicius Junior comemoram gols

Dupla brasileira balançou as redes em vitória sobre o Club Brugge no encerramento da fase de grupos

Redação, O Estado de S.Paulo

12 de dezembro de 2019 | 07h51

Titular do Real Madrid na vitória sobre o Club Brugge por 3 a 1 nesta quarta-feira, na Bélgica, pela última rodada do grupo A da Liga dos Campeões, Rodrygo comemorou ter marcado o quarto gol em quatro partidas pelo torneio e enalteceu a atuação de Vinicius Junior, com quem fez parceria no ataque.

"Estou muito feliz por ter marcado quatro gols em quatro jogos pela Liga dos Campeões e mais feliz ainda pela vitória da equipe. 'Zizou' sempre diz que leva todos em conta, e hoje foi uma boa demonstração de que estamos todos prontos e podemos ajudar", declarou Rodrygo na zona mista do estádio Jan Breydel, em Bruges.

O ex-jogador do Santos não atuou nas duas primeiras partidas do Real nesta Liga dos Campeões. Depois, foi titular nos dois confrontos com o Galatasaray, e obteve o chamado 'triplete' no segundo deles. Depois disso, ainda atuou por oito minutos no empate com o Paris Saint-Germain em 2 a 2, sem balançar a rede, e nesta quarta-feira, quando esteve novamente na formação inicial, abriu o placar. O segundo gol do Real foi Vinícius Júnior, que ainda não havia marcado pelo torneio continental.

"Os dois gols me deixaram feliz, o meu e também o do Vini. Ele veio de um grande jogo e hoje fez um grande gol. Estou muito feliz por ele. Sabemos que o gol é sempre o mais importante, mas ele nos ajudou com grandes atuações, e o gol recompensa o seu esforço", comemorou. 

Vinicius Junior encerra jejum

Vinicius Junior marcou o segundo gol do Real, o seu segundo em toda esta temporada. O atacante vinha de um jejum de seis partidas sem marcar, desde a vitória sobre o Osasuna por 2 a 0, em 26 de setembro, pelo Campeonato Espanhol. "Estou muito feliz com o gol, mas mais feliz com a vitória. Estamos há sete jogos sem perder e, nesta temporada, vamos ganhar muitas coisas", declarou o ex-jogador do Flamengo à emissora de televisão espanhola Movistar./Com informações da EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.