Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Título de Zâmbia pode inspirar times menores da África-dirigente

O inédito e surpreendente título africano conquistado neste mês por Zâmbia pode inspirar outras seleções sem tradição do continente a se classificarem para a Copa do Mundo, na opinião de Kalusha Bwalya, melhor jogador da história do país e hoje presidente da federação de futebol local.

REUTERS

24 de fevereiro de 2012 | 10h17

Com um time praticamente desconhecido, Zâmbia superou potências regionais como Senegal, Gana e Costa do Marfim, seleções repletas de jogadores que atuam na Europa, e sagrou-se campeã da Copa Africana de Nações no torneio disputado no Gabão.

A final, contra a Costa do Marfim, aconteceu a poucos quilômetros do local onde, em 1993, o avião da seleção zambiana caiu, matando 18 atletas.

"É uma mudança psicológica pensar que dá para bater esses times e esses jogadores que as pessoas veem na televisão semana sim, semana não", disse Bwalya a jornalistas na sede da Fifa, na Suíça.

Bwalya disse ver boas chances de classificação para a Copa do Mundo de 2014 no Brasil. A fase principal das eliminatórias africanas começa em junho, com 40 equipes disputando cinco vagas. Dessas equipes, 27, incluindo Zâmbia, nunca foram à Copa.

Guiné, Burkina Fasso, Gabão e Mali estão entre as seleções mais cotadas para romperem esse jejum, junto com a própria Zâmbia.

(Por Brian Homewood)

Tudo o que sabemos sobre:
FUTZAMBIACOPA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.