Toninho Cecílio assume o comando do Paraná

O Paraná Clube já tem um novo treinador para a sequência da Série B do Campeonato Brasileiro. É Toninho Cecílio, que assume o lugar de Ricardinho, que deixou o cargo no sábado, um dia após o empate em casa com o lanterna Grêmio Barueri por 1 a 1. O novo comandante se apresentou nesta segunda-feira ao clube. Ele assinou contrato até o fim do Campeonato Paranaense de 2013, em meados de maio.

AE, Agência Estado

17 de setembro de 2012 | 13h30

A missão de Toninho Cecílio será recuperar o time, que tem mostrado instabilidade nas últimas rodadas, o que provocou a saída de Ricardinho, ex-meia do Corinthians e da seleção brasileira. O time estaria sofrendo com problemas internos gerados por atraso de salários e falta de recursos para buscar reforços para manter um bom nível técnico na Série B. No primeiro semestre, Ricardinho tinha atingido o seu primeiro objetivo: devolver o time à elite paranaense.

O Paraná tem 32 pontos e ocupa a 12.ª posição na Série B, com 32 pontos. A meta agora é fugir do descenso. Seu próximo jogo será contra o Joinville, sexta-feira, às 21 horas, na Arena Joinville, pela 26.ª rodada.

Como treinador, Toninho Cecílio, de 45 anos, iniciou sua carreira em 2007 dirigindo o Guaratinguetá. Depois comandou Grêmio Prudente, Vitória, São Caetano e Americana. No ano passado, ele dirigiu seu último clube, o Avaí, que na ocasião foi rebaixado à Série B.

Como atleta, Toninho teve seu auge na defesa do Palmeiras, onde jogou por 10 anos. No começo da década de 1990, chegou a ser convocado para a seleção brasileira, então comandada por Paulo Roberto Falcão. Após sair do clube paulista, ele atuou por vários clubes, incluindo Botafogo, Cruzeiro e Coritiba.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolParaná ClubeToninho Ceclílio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.