Vitor Silva / Botafogo
Vitor Silva / Botafogo

Torcedor do Boca, botafoguense Carli vai torcer contra o Flamengo na Libertadores

No entanto, zagueiro reluta em dizer que apoiará o River Plate na grande decisão

Redação, Estadão Conteúdo

08 de novembro de 2019 | 18h14

O zagueiro Joel Carli ainda não se recuperou da derrota no clássico para o Flamengo. Um dia depois da derrota sofrida no clássico com um gol aos 44 minutos do segundo tempo, no estádio do Engenhão, no Rio de janeiro, o argentino revelou que, apesar de ser torcedor do Boca Juniors, vai torcer contra o Flamengo na final da Copa Libertadores, no próximo dia 23, em Lima. O adversário do rival rubro-negro é o River Plate, arquirrival do Boca.

"Olha, estou há quatro anos no Brasil e o Botafogo tem uma rivalidade muito grande com o Flamengo. Não vou dizer que vou torcer pelo River porque meus amigos na Argentina me matariam, mas não quero que o Flamengo ganhe nada", disse o defensor botafoguense, em entrevista ao programa Estudio Fútbol, do canal argentino TyC Sports.

Durante o clássico, Joel Carli foi um dos jogadores mais exaltados durante os 90 minutos. O zagueiro travou uma "guerra" com o atacante flamenguista Bruno Henrique e por várias vezes tentou intimidá-lo com faltas, empurrões e gritos.

O defensor também reclamou muito da arbitragem do gaúcho Leandro Pedro Vuaden, além de discutir ao final do jogo com o técnico Jorge Jesus, do Flamengo. O botafoguense precisou ser seguro por companheiros para não chegar às vias de fato com o treinador português, que teria tripudiado depois da vitória.

Capitão do Botafogo, equipe na qual atua desde 2016, Joel Carli tem 33 anos, mede 1,91 metro e disputou 145 jogos pela equipe alvinegra, com seis gols marcados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.