Torcedor do Olympique é condenado a prisão por briga

Um torcedor do Olympique de Marselha, da França, foi condenado nesta sexta-feira a três anos e meio de prisão pela corte espanhola por ter atacado um policial durante a partida entre o seu time e o Atlético de Madri, em outubro, pela Liga dos Campeões. Além da prisão, o torcedor Santos Mirasierra foi multado em mil euros (R$ 3,2 mil). Na ocasião, Mirasierra teria arrancado uma cadeira da arquibancada do Estádio Vicente Calderón, em Madri, e a arremessado contra os policiais. Apesar da acusação, o torcedor afirmou ser inocente. Mirasierra também teria brigado com outro policial, mas justificou a ação, alegando estar protegendo uma mulher que estava caída. Na próxima terça-feira, Atlético de Madri e Olympique de Marselha voltam a se enfrentar pela Liga dos Campeões, desta vez na França. Temendo mais violência por parte dos torcedores, o clube espanhol planeja viajar apenas algumas horas antes do jogo e retornar para Espanha imediatamente após o confronto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.