AFP
AFP

Torcedor é indiciado após invadir campo em protesto contra Wenger

Infrator adentrou o gramado e foi em direção ao técnico antes de ser detido. Treinador vem sendo muito questionado na temporada

Estadão Conteúdo

02 de janeiro de 2015 | 12h36

O torcedor que invadiu o campo durante a partida em que o Arsenal foi derrotado por 2 a 0 pelo Southampton, na última quinta-feira, pelo Campeonato Inglês, para, supostamente, confrontar o técnico Arsène Wenger, foi indiciado pelas autoridades britânicas.

O incidente aconteceu no final da partida no St Mary's Stadium, em Southampton. Luke Bryant, que vive nas proximidades da cidade onde foi realizada a partida, acabou sendo detido e posteriormente acusado de entrar ilegalmente em uma área adjacente à área de jogo. Ele terá que comparecer a um tribunal de Southampton no dia 22 de janeiro para o seu julgamento.

Inconformado com a derrota e sentado próximo ao banco de reservas, o torcedor do Arsenal invadiu o campo, correu em direção ao treinador e parou na sua frente, gritando com os braços abertos. Logo em seguida, ele foi detido pelos seguranças da partida. Agora será julgado por seu ato indignado contra Wenger.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.