Torcedor ferido ainda sem identificação

O torcedor do Atlético Paranaense que sofreu grave lesão na cabeça, em razão de uma queda no fosso da Arena da Baixada, atrás de um dos gols, minutos antes do início da partida de domingo contra o Botafogo, continua inconsciente e sem identificação no Hospital Cajuru, em Curitiba. Os médicos de plantão no estádio deram-lhe os primeiros atendimentos e ele foi levado rapidamente para o hospital, onde respira por aparelho. De acordo com a assessoria de imprensa, o rapaz sofreu traumatismo craniano, sendo mantido sedado. Devido à queda também sofreu escoriações nos braços e nas pernas. Vestindo apenas bermuda bege e camiseta branca com o distintivo do clube, ele subiu na mureta que separa as cadeiras do fosso e acabou se desequilibrando. O rapaz é moreno, com cabelos pretos ondulados, 1,70 metro de altura e idade entre 26 e 28 anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.