Miguel Schincariol/Estadão
Miguel Schincariol/Estadão

Torcedor furta arma de policial à paisana em briga antes do dérbi

Policial que estava à paisana deixou arma cair durante confronto ocorrido nos arredores da Allianz Parque antes do clássico

O Estado de S. Paulo

08 de fevereiro de 2015 | 22h06

Um torcedor do Palmeiras aproveitou o confronto entre fãs do clube e a Polícia Militar neste domingo, pouco antes da derrota para o Corinthians por 1 a 0, para furtar uma arma perdida por um policial que estava à paisana nos arredores da Allianz Parque, palco do jogo. 

O palmeirense teve a ação flagrada pelo fotógrafo José Patrício, do Estado, que cobria a confusão. Pouco depois de o policial deixar a arma cair na Rua Turiaçu durante o tumulto, o torcedor pegou a pistola .40 e correu para se misturar aos demais torcedores, sumindo no meio da multidão.

BRIGAS
O clássico vencido pelo Alvinegro neste domingo esteve cercado de tensão fora do campo. O primeiro confronto ocorreu por volta de uma hora antes da partida, opondo torcedores organizados do Palmeiras e a Polícia Militar. Esta respondeu aos primeiros com bombas de efeito moral e gás de pimenta após uma invasão ao espaço destinado à entrada dos torcedores corintianos, na Turiaçu.

O interior do estádio também registrou alguns conflitos, mas dessa vez envolvendo a torcida visitante. Membros de organizadas do Corinthians brigaram entre si antes do dérbi – segundo o SporTV, o entrevero foi motivado por uma discussão sobre qual torcida ergueria sua faixa em determinado local. Após a partida, os alvinegros depredaram parte da área destinada aos visitantes, com várias cadeiras sendo quebradas e banheiros sendo pichados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.