Julio Cesar Guimarães/ EFE
Julio Cesar Guimarães/ EFE

Torcedor invade gramado no Maracanã e leva rasteira de zagueiro do Chile

Gonzalo Jara derrubou invasor que havia se desvincilhado de quatro seguranças

Redação, O Estado de S.Paulo

24 de junho de 2019 | 23h00

Um torcedor invadiu o gramado do Maracanã aos 28 minutos do segundo tempo durante o duelo entre Uruguai e Chile pela terceira rodada da Copa América. Quatro seguranças também entraram no gramado para tentar conter o invasor, mas levaram um baile.

O zagueiro chileno Gonzalo Jara, então, se sentiu no direito de dar uma ajuda e passou uma rasteira no torcedor. A atitude gerou revolta dos jogadores do Uruguai, que cobraram uma punição ao árbitro brasileiro Raphael Claus. O juiz ficou indeciso, aguardou o torcedor deixar o campo e mandou o jogo seguir.

O Uruguai venceu a partida por 1 a 0, com gol de Cavani, e garantiu a liderança do Grupo C com sete pontos. Na próxima fase terá pela frente o a seleção peruana. A partida acontecerá no sábado, às 16h, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

O Chile avançou em segundo lugar e jogará contra a Colômbia, na Arena Corinthians, na sexta-feira, às 20h.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.