Reprodução
Reprodução

Torcedor é flagrado exibindo tatuagem nazista em jogo do São Raimundo-AM pela Série D

Clube repudia episódio e diz que irá proibir entrada do homem, ainda não identificado, no estádio em dias de partidas da equipe

Redação, O Estado de S.Paulo

18 de abril de 2022 | 10h46

A vitória do São Raimundo-AM na estreia da Série D do Campeonato Brasileiro neste domingo, 17, foi ofuscada por uma cena lamentável. Um torcedor da equipe amazonense comemorou o triunfo no estádio da Colina, em Manaus, exibindo nas costas uma tatuagem de um símbolo nazista. O clube repudiou o episódio. 

"O São Raimundo Esporte Clube vem a público, repudiar a atitude deste indivíduo em que nada representa a história do clube do povo. O São Raimundo condena veementemente toda e qualquer manifestação favorável àquilo que foi uma das maiores máculas da história mundial", disse o São Raimundo em nota oficial. 

As imagens do torcedor exibindo a tatuagem se espalharam pelas redes rapidamente após a  partida. De acordo com o São Raimundo, o indivíduo ainda não foi identificado pelas autoridades. Porém, assim que o clube tomar conhecimento da identidade do torcedor, ele não será mais autorizado a visitar as dependências do estádio em dias de jogos do clube. Uma denúncia aos órgãos competentes também deverá ser encaminhada. 

O símbolo da águia, especificamente no design ostentado pelo torcedor, foi escolhido pelo Partido Nazista durante a Segunda Guerra por se tratar de um símbolo de força, vitória e poder, características exaltadas na ideologia de supremacia. 

Segundo a Lei 7.716/1989, é proibido "praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional". O trecho também coibe "fabricar, comercializar, distribuir ou veicular símbolos, emblemas, ornamentos, distintivos ou propaganda que utilizem a cruz suástica ou gamada, para fins de divulgação do nazismo". A pena varia entre dois e cinco anos de reclusão. 

Com a bola rolando, o São Raimundo-AM derrotou o rival homônimo, de Roraima, por 2 a 1, e lidera momentaneamente o Grupo 1 da Série D. O time amazonense volta a campo no próximo domingo, quando enfrenta o Rio Branco, no estádio do Florestão, no Acre. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.