Torcedora xinga cartola e é condenada

A torcedora Jeani Gomes Teixeira terá de pagar uma indenização de 12 salários mínimos (R$ 2,16 mil) ao ex-presidente do Grêmio, Luiz Carlos Silveira Martins, o Cacalo, por danos morais. Em carta publicada pelo jornal ?Zero Hora? em 17 de janeiro de 98 ela chamou o então dirigente tricolor de ?imprestável, moleque, incompetente e imbecil?. Cacalo já anunciou que vai doar o dinheiro a alguma instituição de caridade gaúcha. ?Tenho filhos, clientes e uma reputação profissional a zelar?, diz o ex-presidente, que é advogado de empresas. Leia mais no Jornal da Tarde

Agencia Estado,

08 Março 2002 | 09h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.