Wolfgang Rattay/Reuters
Wolfgang Rattay/Reuters

Torcedores da Juventus são presos antes do jogo contra o Ajax

Polícia de Amsterdã prendeu 105 fãs do time italiano, após confusão nos arredores do estádio onde as equipes se enfrentaram pela Liga dos Campeões

Redação, O Estado de S.Paulo

10 de abril de 2019 | 17h30

A polícia de Amsterdã prendeu 105 torcedores da Juventus antes do início do jogo entre Ajax e Juventus, nesta quarta-feira, na Holanda, pelo jogo de ida das quartas de final da Liga dos Campeões.

Segundo a polícia da cidade holandesa, um canhão de água foi utilizado para apagar foguetes e fogos de artifício, que estavam sendo usados por torcedores italianos. Vários fãs do time local também foram detidos pelo mesmo motivo.

A polícia informou que dois grupos de torcedores da equipe de Turim foram presos após revistas, nas quais acabaram sendo encontrados fogos de artifício, paus, sprays de pimenta, chaves de fenda e um martelo.

Um primeiro grupo, com cerca de 46 torcedores da Juventus, foi revistado em uma estação de metrô. O segundo grupo, de 61 pessoas, foi detido nas proximidades do estádio, a Johan Cruijff Arena.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.