Reprodução
Reprodução

Torcedores do Corinthians criam site 'Fica Guerrero'

Empresários deram prioridade ao Corinthians só até quinta

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

29 de abril de 2015 | 17h39

Torcedores do Corinthians que querem a renovação do contrato do atacante peruano Paolo Guerrero criaram o site www.ficaguerrero.com.br. A página, que tem também um espaço para um abaixo-assinado virtual, contava com 7827 assinaturas até às 17h50 desta quarta-feira. O site propõe uma enquete aos torcedores perguntando se eles pagariam pela permanência do atacante. Até 17h50, 3004  haviam votado sim, enquanto 241 disseram "não". 

O site #FicaGuerrero cita as principais conquistas do atacante, como o gol marcado contra o Chelsea, na final do Mundial de Clubes em 2012 - Obrigado pelo bicampeonato é a chamada principal. A página também lembra que o peruano é o maior artilheiro estrangeiro pelo Corinthians, com 54 gols em 126 jogos, além de inúmeros vídeos dos gols do atacante. 

De acordo com os criadores do site, o objetivo é mostrar a importância do atacante para o clube. Nesta quinta-feira se encerra o prazo dado pelos empresários do atacante para que o Corinthians exerça a prioridade na renovação de contrato com o atacante. Depois disso, eles vão ouvir propostas de outros clubes. O atacante tem contrato com o Corinthians até o dia 15 de julho. 

O encerramento do prazo, no entanto, não preocupa a diretoria. “É uma negociação. Cada um abre mão um pouco, faz parte, é normal, vamos torcer para que na negociação os dois saiam felizes. Esse é o objetivo do Corinthians”, declarou o gerente de Futebol, Edu Gaspar, em evento da CBF, no Rio de Janeiro, nesta terça-feira.

O principal entrave para selar a renovação é a negociação do valor das luvas do jogador. O Corinthians ofereceu R$ 13 milhões, mas o atacante quer R$ 18 milhões. Além disso, o peruano, principal jogador da equipe, espera receber os direitos de imagem que estão atrasados - Ralf, Elias, Emerson, Danilo e Renato Augusto têm a mesma expectativa. 

Guerrero não atua desde o dia 11 de abril por ter contraído dengue. Com 12 gols em 17 jogos no ano, o peruano é artilheiro da equipe na temporada e deve estar recuperado para a próxima partida do Corinthians que será contra o Guaraní, do Paraguai, no dia 6 de maio, em Assunção, pelas oitavas de final da Libertadores.  

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolCorinthiansGuerrero

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.