Arquivo/AE
Arquivo/AE

Torcedores do Napoli agridem vice-presidente do Milan

Adriano Galliani teve seu carro cercado por cerca de 50 pessoas; as duas equipes ficaram no 0 a 0 domingo

EFE

23 de março de 2009 | 14h04

O vice-presidente do Milan, Adriano Galliani, teve seu carro atingido por cerca de 50 torcedores do Napoli depois da partida entre as duas equipes no domingo, enquanto viajava em seu carro, segundo o jornal esportivo La Gazzetta dello Sport.

Veja também:

linkMilan empata com Napoli e adversários ameaçam vaga na Liga 

linkJuventus goleia a Roma e segue perseguição a Inter 

tabela Classificação / Calendário / Resultados

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Os torcedores do Napoli pararam o veículo no qual Galliani se dirigia ao aeroporto e, apesar de o dirigente do Milan ter escolta da Polícia, jogaram pedras e cuspiram no carro do dirigente.

 

O incidente aconteceu em uma das estradas de saída de Nápoles, onde os torcedores insultaram Galliani e danificaram um dos pneus de seu automóvel.

 

A patrulha que escoltava Galliani teve que pedir reforços, e, após chegarem, cerca de dez agentes antidistúrbios protegeram o veículo durante dez minutos, enquanto o pneu era trocado.

 

Galliani não fez nenhuma declaração ao chegar ao aeroporto de Nápoles, nem ao aeroporto de Milão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.