Alex Silva/ Estadão
Alex Silva/ Estadão

Torcedores fazem abaixo-assinado para pedir Muricy Ramalho no São Paulo

Nome do ex-treinador passou a ser citado nos bastidores do São Paulo com mais frequência recentemente

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

01 de setembro de 2017 | 20h03

Um grupo de torcedores do São Paulo criou uma petição online para reunir assinaturas de apoiadores da ideia de ter Muricy Ramalho de volta ao Morumbi. O movimento Resgate Tricolor quer o ex-técnico seja contratado como coordenador de futebol do clube.

Poucas horas depois de ser colocado no ar, o abaixo-assinado já tinha mais de 500 assinaturas. A intenção do grupo, que também reúne sócios e conselheiros do São Paulo, é entregar o documento ao presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, e ao diretor executivo de futebol, Vinicius Pinotti.

"O São Paulo Futebol Clube necessita de uma liderança fora do campo, que faça o trabalho de coordenação do futebol profissional e o elo entre a comissão técnica, jogadores e diretoria", argumenta o grupo. "A sugestão deste abaixo assinado, pela história como jogador, técnico vitorioso e com a experiência de 2013, é a contratação de Muricy Ramalho para este cargo".

O nome de Muricy vem sendo citado nos bastidores do São Paulo com mais frequência recentemente. Um grupo de conselheiros do clube aproveitou o momento de tensão após a derrota no clásico com o Palmeiras para instensificar a pressão sobre a diretoria tricolor em relação à possibilidade de contratar o ex-treinador.

A proposta tem apoio de alguns membros da diretoria do São Paulo, mas não é unânime, uma vez que membros da comissão técnica de Dorival Junior não estariam de acordo com a ideia de contratar um coordenador de futebol - algo que poderia causar conflitos em relação às decisões dentro de campo.

Tudo o que sabemos sobre:
São Paulo Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.