Torcedores invadem e treino do Brasil acaba em confusão

Acabou em confusão o treino da seleção brasileira na tarde desta sexta-feira, em Weggis, na Suíça. Alguns torcedores invadiram o campo para tentar chegar perto dos jogadores, mas a segurança agiu rápido e não houve maiores conseqüências.As invasões aconteceram já no final do treino, quando os jogadores estavam no centro do gramado, fazendo alongamentos. Tudo começou quando a torcedora brasileira Sheila Soares, que escapou da forte segurança no Estádio de Weggis e conseguiu abraçar Ronaldinho Gaúcho.Depois disso, outros torcedores criaram coragem para invadir o campo, mas a segurança foi eficiente, evitando que eles chegassem perto dos jogadores.Enquanto isso, os jogadores encararam tudo com muito bom humor, felizes com mais uma demonstração de carinho dos torcedores que acompanham a seleção em Weggis. Foi mais um episódio do clima de festa que tem sido a preparação brasileira para a Copa do Mundo da Alemanha.Trabalho Antes da confusão, o técnico Carlos Alberto Parreira comandou um treino tático. Ele armou o time titular do mesmo jeito que deve começar a Copa, com Dida; Cafu, Lúcio, Juan e Roberto Carlos; Emerson, Zé Roberto, Kaká e Ronaldinho Gaúcho; Adriano e Ronaldo.Assim, os titulares enfrentaram os reservas no treino tático, que foi paralisado seguidas vezes por Parreira para organizar o time em campo e acertar o posicionamento das jogadas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.