Torcedores turcos que mataram ingleses são presos

Um advogado disse que dois homens turcos, condenados à revelia de esfaquear dois torcedores ingleses até a morte em abril de 2000, foram capturados. Serdar Mermut afirmou nesta quarta-feira que a polícia prendeu Suleyman Gokhan Guven esta semana e Ali Baydar em outubro, após um tribunal de apelações, em setembro, confirmar as condenações dos torcedores, juntamente com outros três suspeitos pela morte de Christopher Loftus e Kevin Speight. Um dos suspeitos continua foragido.

AE-AP, Agência Estado

24 de novembro de 2010 | 12h00

Os britânicos foram mortos em confrontos de rua nem Istambul na noite anterior ao jogo entre Leeds United e Galatasaray, da Turquia, pelas semifinais da Copa da Uefa, a atual Liga Europa. Guven recebeu uma sentença de dez anos de prisão, enquanto os outros pegaram penas menores. Mermut disse que Guven vai ficar quatro anos na cadeia antes de receber liberdade condicional.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.