Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Torcida argentina provoca chilenos com canção sobre tsunami

Tragédia, que arrasou a região, vitimou 700 pessoas em 2010

ALMIR LEITE E GONÇALO JUNIOR/ ENVIADOS ESPECIAIS A CONCEPCIÓN, Estadão Conteúdo

30 de junho de 2015 | 08h37

Centenas de torcedores argentinos que estão em Concepción para a semifinal entre Argentina e Paraguai, nesta terça-feira, pela Copa América, provocam os chilenos com uma canção sobre o terremoto e o tsunami que arrasaram a região em 27 de fevereiro de 2010.

A música ''Chile decíme que se siente, saber que se te viene el mar'' (Chile, me diz que você se sente ao saber que lá vem o mar) começou a ser entoada em La Serena, local da concentração argentina na fase de grupos, e vem sendo cantada em vários locais, principalmente no terminal de ônibus de Concepción, em frente ao Estádio Ester Roa, palco do jogo desta terça-feira.

A exemplo do que aconteceu na Copa do Mundo de 2014 nas cidades brasileiras por onde passou a Argentina, como Porto Alegre e Rio de Janeiro, os torcedores tomam conta das ruas de Concepción, principalmente em frente ao hotel da seleção.

A canção não foi bem recebida pelos chilenos. Os argentinos foram vaiados e criticados no terminal de ônibus e vários torcedores se manifestaram nas redes sociais. "Eles fazem piada com a nossa região e todos nós sabemos que muita gente morreu", diz uma página do Facebook da torcida do Deportes Concepción.

O terremoto de magnitude 8.8 se originou no mar, perto da cidade de Concepción, a segunda maior do país. O abalo atingiu as áreas mais populosas, onde vivem cerca de 75% da população. Mais de 700 pessoas morreram. O país faz parte de uma área conhecida como "círculo de fogo", onde ocorrem cerca de 80% dos tremores do mundo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.