Torcida do Cruzeiro protesta e picha muro de CT

A péssima fase do Cruzeiro no Campeonato Brasileiro tem se refletido na insatisfação da torcida. Nesta sexta-feira, o muro da Toca da Raposa II, Centro de Treinamento do clube, foi pichado com ataques ao presidente Zezé Perrella.

AE, Agência Estado

23 de setembro de 2011 | 12h28

A pichação ameaçava o dirigente em caso do rebaixamento da equipe no Campeonato Brasileiro. "Perrela (sic) safado. Se o Cruzeiro cair você vai pagar", afirmava o autor do protesto.

O Cruzeiro é apenas o 15º colocado da tabela, com 29 pontos, apenas quatro pontos à frente do rival Atlético-MG, primeiro time dentro da zona do rebaixamento. Para piorar, a equipe não vence há seis partidas.

Na última quinta-feira, uma reunião com a diretoria do clube garantiu a permanência do criticado técnico Emerson Ávila. Ainda sem vencer, ele conseguiu apenas dois pontos em cinco partidas no comando da equipe.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato BrasileiroCruzeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.