Torcida do Palmeiras faz protesto na véspera do clássico

Com apenas um dia de trabalho, o novo técnico Antônio Carlos já enfrentou o primeiro protesto da torcida do Palmeiras neste sábado, no CT da Barra Funda. Integrantes da principal organizada do clube estenderam faixas lembrando a acusação de racismo, que ele enfrentou ainda quando era jogador do Juventude, e também pediram a volta de Muricy Ramalho. O time enfrenta o São Paulo neste domingo, às 17 horas, no Palestra Itália.

estadao.com.br,

20 de fevereiro de 2010 | 13h03

Keiny Andrade/AE

Keiny Andrade/AE

O presidente Luiz Gonzaga Belluzzo também não foi poupado dos protestos da torcida organizada

Keiny Andrade/AE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.