Ciro Campos/ Estadão
Ciro Campos/ Estadão

Torcida do São Paulo protesta com foguetório e fumaça no CT

Um grupo de cerca de 50 torcedores do São Paulo realizou um protesto nesta segunda-feira na porta do CT da Barra Funda. Com foguetório, bandeiras, faixas, tambores e muita fumaça, eles protestavam contra a má fase do clube e gritavam: "Se não ganhar, não volta para o Brasil", em referência ao jogo da próxima quarta-feira, contra o San Lorenzo, em Buenos Aires, pela Copa Libertadores.

CIRO CAMPOS, Estadão Conteúdo

30 Março 2015 | 16h41

A torcida manifestou apoio ao técnico Muricy Ramalho e, nas faixas, pedia raça ao time e alternava com gritos de apoio. O São Paulo entrou em período turbulento desde a última semana, quando perdeu por 3 a 0 para o Palmeiras, pelo Campeonato Paulista. O resultado quase custou o emprego do treinador, que chegou a colocar o cargo à disposição.

O clube se precaveu antes do protesto e chamou a polícia para evitar uma possível invasão ao CT. Duas viaturas da Polícia Militar se posicionaram logo depois do portão. O protesto, porém, foi pacífico e o grupo deixou o local depois de 20 minutos.

Mais conteúdo sobre:
futebol São Paulo FC protesto torcida

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.