Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Torcida do São Paulo troca protestos por incentivo antes de jogo

Duelo com San Lorenzo é decisivo para o clube na Libertadores

Ciro Campos , O Estado de S.Paulo

18 Março 2015 | 20h26

A torcida do São Paulo trocou os protestos por apoio ao time antes do jogo desta quarta feira, contra o San Lorenzo, no Morumbi, pela Libertadores. Desde o início da noite a movimentação é grande na porta do estádio, com festa, cantoria e clima típico de noite decisiva para receber a chegada do time.

O ambiente é bem diferente do encontrado em partidas anteriores, como contra o São Bento, na última quinta feira, e diante do Danubio, na rodada anterior da Libertadores. Nessas ocasiões os torcedores protestaram contra o valor dos ingressos com faixas e gritos contra a diretoria. Nesta quarta, a aglomeração na porta do Morumbi é para incentivar o time.

Para enfrentar o San Lorenzo a diretoria fez uma promoção. Criticada por estipular o preço mínimo de R$ 120 para entradas avulsas para quem não é o sócio torcedor, voltou atrás e ofereceu a oportunidade de levar um acompanhante gratuitamente para quem comprar ingressos para a arquibancada amarela do Morumbi.

A expectativa é ter o maior público do ano. Até agora o recorde foi de 19 mil pagantes, registrado contra o Corinthians, pelo Campeonato Paulista. Contra o Danubio a participação da torcida ficou abaixo do esperado e os 16 mil presentes foram a menor bilheteria do clube em Libertadores nos últimos 23 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.