Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Torcida Jovem perde a paciência e vai protestar contra Ganso no clássico

Uniformizada do Santos não gostou de ver o meia falar que 'seria uma honra jogar no São Paulo' e pedirá sua saída do clube

O Estado de S.Paulo

24 de agosto de 2012 | 18h10

SANTOS - A torcida do Santos não gostou de saber que o meia Paulo Henrique Ganso disse, nesta semana, que "seria uma honra" defender o São Paulo, clube que fez uma oferta pelo meia, E pedirá sua saída da Vila Belmiro. Neste sábado, no clássico com o Palmeiras, no Pacaembu, a Torcida Jovem, principal organizada da equipe da Baixada, vai protestar contra o jogador. "Não é mole não... Paulo Henrique, respeite o meu Peixão!!!", é a frase que estampa o site da organizada e que será o carro chefe do protesto contra o meia.

No clássico com o Corinthians, domingo passado, na Vila, os torcedores já evitaram cantar o nome do jogador. Os líderes da Jovem estão indignados com a postura do jogador, e pelo simples fato de ele primeiro ter acenado para o Corinthians e agora para o São Paulo, ambos arquirrivais santistas.

Há tempos Ganso manifesta sua vontade de deixar o Santos. Como nenhuma oferta do exterior chegou ao clube, ele terá de enfrentar agora a ira da torcida que não quer mais vê-lo no time.

Tudo o que sabemos sobre:
santos fcfutebolbrasileirãoganso

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.