Torino desperdiça chances e fica no empate em casa com a Sampdoria por 1 a 1

As duas equipes não sofrem ameaça de rebaixamento e também não lutam por vagas em competições europeias

Estadao Conteudo

29 de abril de 2017 | 18h10

Livres de qualquer ameaça de rebaixamento no Campeonato Italiano - mas também sem aspirações em relação à vaga em competições europeias da próxima temporada -, Torino e Sampdoria fizeram uma partida aberta, com muitas chances de gol - em quantidade maior para os mandantes -, neste sábado, no estádio Olímpico, em Turim, pela 34.ª rodada. O placar de 1 a 1, no final, não refletiu o que foi o duelo, mas ficou de bom grado para as duas equipes.

Em situação melhor na tabela de classificação, o Torino chegou aos 49 pontos, na nona colocação. Agora com 46, a Sampdoria está em 10.º lugar. Na próxima rodada, o time de Turim terá o grande desafio de encarar o clássico contra a rival Juventus, no Juventus Stadium. O clube de Gênova atuará mais uma vez como visitante - contra a Lazio, no estádio Olímpico, em Roma.

Em campo, o Torino começou melhor e teve duas boas chances em chutes de fora da área, que não assustaram o goleiro argentino Christian Puggioni. Como castigo, levou o gol da Sampdoria na sequência. Aos 12 minutos do primeiro tempo, Patrik Schick aproveitou uma sobra na entrada da área e chutou no ângulo esquerdo alto do arqueiro inglês Joe Hart.

Com a vantagem no placar, a Sampdoria assumiu a postura de se defender e arriscar algum contra-ataque para fazer o segundo gol. Isso fez com que o Torino atacasse com cada vez mais força e o empate foi inevitável no segundo tempo. Aos 33 minutos, após cruzamento na área, o meia argentino Iturbe chutou forte no canto esquerdo de Puggioni.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.