Andres Kudacki/AP
Andres Kudacki/AP

Torres pode jogar dérbi contra Real pela Copa do Rei, diz Simeone

Revelado pelo Atletico de Madrid aos 17 anos, atacante, emprestado pelo Milan por 18 meses, será avaliado durante treinamento

TIM HANLON, REUTERS

05 de janeiro de 2015 | 14h52

Fernando Torres pode voltar a jogar com a camisa do Atlético de Madri na quarta-feira no dérbi pelas oitavas de final da Copa do Rei contra o Real Madrid caso se mostre em forma nos treinamentos, disse o técnico do Atlético, Diego Simeone.

O ex-capitão do Atlético, que jogou 244 jogos pelo clube que o revelou aos 17 anos, veio do Milan graças a um empréstimo por 18 meses que começará a vigorar quando o mercado italiano de inverno começar, na segunda-feira.

"Ele treinará... e decidiremos se joga contra o Real Madri na quarta", disse Simeone em entrevista coletiva.

"El Niño", como Torres é conhecido, era um símbolo do Atlético na década passada e agora, depois de sete anos vestindo outras camisas, volta à equipe que rompeu o monopólio local de Real e Barcelona ao conquistar o título do Campeonato Espanhol na temporada passada.

A chegada de Simeone ao comando dos "colchoneros" mudou a perspectiva de um dérbi que o Real estava acostumado a vencer sem dificuldades há até alguns anos.

Na temporada passada, o Atlético sofreu uma dolorosa derrota na final da Liga dos Campeões contra o Real, mas se impôs sobre o clube vizinho na Supercopa da Espanha, o primeiro troféu desta temporada.

O Atlético reagiu bem à perda de jogadores importantes nesta temporada e está em terceiro lugar no Campeonato Espanhol, mas nesta semana colocará à prova a capacidade de brilhar no mesmo nível do ano passado.

Primeiro enfrentará na Copa do Rei o Real, que no domingo foi derrotado pelo Valencia no Campeonato Espanhol e viu acabar um sequência de 22 vitórias seguidas, e depois uma visita ao Barcelona no fim de semana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.