David Klein / Reuters
David Klein / Reuters

Tottenham abre 2 a 0, mas Arsenal busca empate em casa no clássico de Londres

Jogo foi movimentado e teve boas chances de ambos os lados; em outra partida, Richarlison marca dois em vitória do Everton

Redação, Estadão Conteúdo

01 de setembro de 2019 | 15h41

Em um dos melhores jogos do Campeonato Inglês até aqui, Arsenal e Tottenham empataram em 2 a 2 neste domingo, no Emirates Stadium, em Londres, pela quarta rodada. O time do técnico argentino Mauricio Pochettino abriu 2 a 0, mas, jogando em casa, a equipe treinada pelo espanhol Unai Emery foi buscar a igualdade no placar.

O resultado deixou o Arsenal com sete pontos, a cinco do líder Liverpool, na quinta colocação da tabela de classificação. O Tottenham soma cinco pontos e aparece apenas na nona colocação.

Em campo, o clássico londrino fez jus à grandeza das duas equipes e foi disputado intensamente. Sobraram cartões amarelos - foram seis, três para cada time -, mas também não faltaram gols e lances bonitos em duas etapas distintas.

No primeiro tempo, a estratégia do Tottenham foi perfeita. Conseguiu suportar a pressão do rival, que tentou ser agressivo com o trio de ataque formado por Aubameyang, Lacazette e o recém-contratado Pépé, e aproveitou os erros para abrir vantagem.

Aos 10 minutos, após contra-ataque rápido, o goleiro Leno soltou a bola no pé de Eriksen, que só empurrou para o gol. Bem posicionado em campo, o Tottenham suportou a pressão dos donos da casa e chegou ao segundo gol aos 40. Xhaka derrubou Son na área, Harry Kane bateu o pênalti com categoria e ampliou. No entanto, cinco minutos depois, a insistência do Arsenal foi premiada com Lacazette. O atacante francês recebeu dentro da área, cortou o marcador e acertou bonito arremate, reavivando o Arsenal na partida.

Na etapa final, o panorama foi semelhante. O que mudou foi que o Arsenal passou a errar menos e o talento de seus jogadores de frente voltou a fazer a diferença. Desta vez foi Aubameyang que apareceu para marcar. O atacante foi acionado por Guendouzi na área e desviou o cruzamento com o bico da chuteira para empatar o jogo aos 26 minutos.

RICHARLISON BRILHA E EVERTON VENCE

Mais cedo, o Everton contou com grande atuação de Richarlison para derrotar o Wolverhampton em casa, no estádio Goodison Park, em Liverpool. O atacante brasileiro balançou as redes duas vezes no confronto.

Richarlison marcou o gol que abriu o placar aos cinco minutos, aproveitando recuou errado para o goleiro português Rui Patrício e, quando a partida estava empatada em 2 a 2 - Alex Iwobi fez o segundo do time da casa e Romain Saiss e Raul Jimenez marcaram para os visitantes - apareceu novamente aos 35 para garantir o triunfo com um cabeceio certeiro no canto.

O ex-atacante do Fluminense, que também havia balançado as redes no meio de semana em duelo contra o Lincoln City, pela Copa da Liga Inglesa, foi convocado pelo técnico Tite para os dois amistosos da seleção brasileira contra Colômbia e Peru, nos Estados Unidos.

O triunfo, o segundo do Everton em quatro jogos no campeonato, deixou o time de Liverpool com sete pontos, na sexta posição. O Wolverhampton tem três pontos e ocupa a 17ª posição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.