Divulgação
Divulgação

Tottenham anuncia holandês Bergwijn e amplia mudanças no elenco com Mourinho

Ex-PSV Eindhoven assinou contrato válido até 2025; valores da negociação não foram revelados

Redação, Estadao Conteudo

29 de janeiro de 2020 | 16h03

As mudanças no elenco do Tottenham promovidas pelo técnico José Mourinho na janela de transferências de janeiro foram ampliadas nesta quarta-feira, quando o clube anunciou a contratação do ponta holandês Steven Bergwijn, que estava no PSV Eindhoven.

Anteriormente, o Tottenham havia assinado com o meio-campista português Gedson Fernandes, cedido por empréstimo de 18 meses pelo Benfica. Além disso, o meio-campista argentino Giovani Lo Celso foi adquirido em definitivo pelo clube na última terça - havia chegado por empréstimo na janela de transferências do verão europeu.

Bergwijn foi adquirido por valor não revelado e assinou contrato válido até 2025 com o Tottenham. Ele pode atuar nas duas pontas, embora no seu time também viesse atuando centralizado em seus últimos compromissos, e já disputou oito jogos pela seleção holandesa, tendo feito a sua estreia pela seleção nacional em outubro de 2018.

Além disso, marcou 31 gols em 149 partida pelo PSV e venceu o campeonato nacional em três oportunidades. Agora, deverá concorrer com o brasileiro Lucas Moura e Erik Lamela na disputa pela titularidade no clube londrino.

A contratação de meio-campistas e pontas tem relação com as dificuldades que Mourinho vem enfrentando desde que assumiu o Tottenham em novembro. Lo Celso recentemente assumiu a titularidade em substituição a Christian Eriksen, que foi adquirido pela Inter se Milão na última terça-feira e terá a sua camisa número 23 assumida por Bergwijn.

Para atuar centralizado no meio-campo, Mourinho tem se revezado entre Harry Winks, Eric Dier e, quando está livre das lesões, Tanguy Ndombele, mas parece não estar satisfeito com nenhum deles. Outra opção para o setor, Moussa Sissoko está afastado dos gramados até abril por causa de lesão no joelho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.